Tratado sobre a Índia (1878-1879)

Durante o governo de Fontes, em 26 de dezembro de 1878, o ministro Andrade Corvo conclui com os britânicos a negociação de um tratado sobre a Índia que será apresentado na Câmara dos Deputados em 19 de maio de 1879 e aprovado em 18 de junho desse ano, já com um governo progressista, presidido por Anselmo Braamcamp.

A troco de uma renda de 160 contos anuais, cedia-se aos britânicos o monopólio do sal. Isto é, o nosso Estado da Índia era integrado no sistema alfandegário britânico. Admite-se também a construção de uma linha de caminho-de-ferro a partir de Mormugão.

Para executar o tratado foi designado o então constituinte António Augusto de Aguiar que partiu para a Índia em 6 de setembro.