Tópica

Os topoi são os fundamentos consensuais, comunitariamente pelo contexto social. Para Chaim Perelman o raciocínio prático não deve inspirar-se num modelo matemático, mas na virtude (phronésis) aplicável às ocorrências, à medida e consideração de aspirações diversas e interesses múltiplos. Neste sentido, em vez de definições, importa o estabelecimento de tópicos, isto é, dos pontos de vista utilizáveis em múltiplas instâncias, com validade geral, que servem para a ponderação dos prós e dos contras das opiniões e podem conduzir-nos à verdade, conforme a definição de Theodor Viehweg.