Paradigma

boudonDo grego paradeigma, o mesmo que modelo eterno, um sinónimo de ideia ou eidos. Para o idealismo platónico, só é possível aceder ao paradigma, enquanto coisa invisível, através de imagens ou reflexos (eikon), de cópias. Porque as ideias estão separadas da matéria. Modelo abstrato ou tipo ideal configurado por referência a um objeto real. Raymond Boudon (na fotografia) considera que um modelo ou paradigma corresponde àquilo que nas ciências sociais equivale às teorias das ciências físicas. Podem ser conceituais (definição de vocábulos), formais (regras de sintaxe) ou teóricos. Os paradigmas conceituais e formais constituem quadros de referência, enquanto os teóricos são teorias desenvolvidas num setor da realidade e aplicadas por analogia a outros setores. Noutro sentido, segundo Thomas Kuhn, o paradigma é o conjunto de crenças, de valores reconhecidos e de técnicas comuns aos membros de um determinado grupo científico.