Mascarenhas, José Esteves da Conceição (1881-1955)

Oficial do exército, atinge o generalato em 1940. Militante democrático. Por duas vezes ministro da guerra na I República: no governo de Domingos Pereira, de 30 de Outubro a 17 de Dezembro de 1925; e no de António Maria da Silva, entre 17 de Dezembro de 1925 a 30 de Maio de 1926. Assume-se como independente.

É derrubado pelo golpe de 28 de Maio de 1926, ele que tinha sido aliciado para a conspiração por Gomes da Costa, mas que recebera deste a promessa de não ser desencadeado o movimento, e que até aceita integrar o último governo da I República com a condição de reintegrar os punidos pelo 18 de Abril de 1925.