Liebknecht, Karl (1871-1919)

Filho do fundador do SPD Wilhelm Liebnecht. Advogado, celebrizado pela defesa de revolucionários.

Funda em 1907 o primeiro movimento de juventude socialista. Ataca desde logo o militarismo, denunciando depois as relações das chefias políticas alemãs com os fabricantes de armamento.

Assume o pacifismo da II Internacional em 1914, aliando-se a Jean Jaurès. É o único deputado do Reichstag que em dezembro de 1914 vota contra as despesas de guerra.

Aliado a Rosa Luxemburg contra a direção do SPD forma então o Gruppe Internationalle, mais tarde transformado no Spartakusbund. Expulso do partido em janeiro de 1916, é mobilizado como soldado raso, mas será preso por liderar uma manifestação contra a continuação da guerra. Proclama a República Socialista em Berlim em novembro de 1918, quando já advoga as teses da revolução violenta.

Será assassinado juntamente com Rosa Luxemburg. Autor de Militarismus und Antimilitarismus de 1907, obra que lhe valeu uma condenação à prisão, e de Estudo das Leis do Movimento no Desenvolvimento da Sociedade, publicado postumamente em 1920.