Latadas de Coimbra

Nas tradicionais latadas, quase todos os cartazes são políticos e anti-salazaristas. Presos cerca de 50 estudantes. Assembleia Magna em 12 de Janeiro de 1962, solidariza-se com os protestos.