Finley, Moses I. (1912-1986)

mosesDoutorado pela universidade de Columbia. Professor norte-americano, marcado pelo neomarxismo da Escola de Frankfurt.

Obrigado a sair dos Estados Unidos da América em 1952, por causa do maccartismo, passa a ensinar em Oxford e Cambridge. Mergulhando nos conceitos clássicos de cidadania, é um assumido opositor das teses elitistas.

Considera que houve uma invenção da política, dado que a polis não é uma simples emanação da natureza, mas o efeito da ação do homem, um produto da natureza racional do homem.

  • The Ancestral Constitution. An Inaugural LectureCambridge, Cambridge University Press, 1971.

  • Democracy, Ancient and ModernNew Brunswick, Rutgers University Press, 1973 [trad. Port. Democracia Antiga e Moderna, Rio de Janeiro, Graal, 1988; uma série de conferências proferidas em 1972 em New Brusnswick, na universidade de Rutgers, onde pretendeu combater a chamada teoria elitista da democracia];
  • The Ancient EconomyBerkeley, University of California Press, 1973. Ver L’Invention du Politique [ed. Orig. 1983], trad. Fr., Paris, Éditions Flammarion, 1985.