Crise financeira de 1896

Começa na praça do Porto em 4 de agosto de 1896, quando, devido ao jogo dos fundos espanhóis, o Banco do Porto e o Banco Comercial de Viana se tornam insolventes. No dia 18, a chamada sexta-feira negra, corrida aos bancos em geral e suspensão de pagamentos.