Contrarreforma

Os teóricos políticos da Contrarreforma defendem a origem popular do poder e um conceito racional de Estado, até porque a Igreja Católica, defendendo os interesses dos Papas, não estava interessada em que se consagrasse a tese do direito divino dos reis., 127, 883.