Castelo Branco, José de Azevedo (1852-1923)

José de Azevedo Castelo BrancoMédico e bibliotecário. Regenerador desde 1884. Governador civil do Funchal em 1890 e de Lisboa em 1900-1901. Par do reino desde 1901. Era Ministro dos Negócios Estrangeiros em 1910. Vai para o exílio em França. Aparece depois como deputado monárquico em 1918-1919.

Ministro da marinha e ultramar de Hintze, de 21 de Março a 19 de Maio de 1906. Ministro dos negócios estrangeiros no governo de Teixeira de Sousa, de 26 de Junho a 5 de Outubro de 1910. Sobrinho materno de Camilo. Deputado e presidente da câmara de Lisboa.

Ver Raul Brandão,Memórias III, pp. 165 ss.