Carvalho, António Germano Ribeiro de (1889-1967)

Militar da Flandres. Maçon. Amigo de António Sérgio e de Raul Proença. Ministro da guerra no governo de Álvaro de Castro, de 18 de Dezembro de 1923 a 26 de Fevereiro de 1924, sendo afecto aos seareiros do gabinete (António Sérgio na instrução e Azevedo Gomes na agricultura). ~

Apesar de convidado por Gomes da Costa, recusa ser ministro depois do 28 de Maio de 1926. Preso em 1930, evade-se e exila-se em Espanha. É demitido do Exército em 1931. Regressado em 1933, é novamente preso. Parte para o exílio mais uma vez, estacionando em Rabat, com Sarmento Beires. Volta a regressar a Portugal em 1939, sendo condenado a pena suspensa. Recusa a amnistia de 1950. Reintegrado no Exército em 1960. Morre louco.