Adoçar o poder

Segundo Ferrero, os princípios da legitimidade servem para humanizar e adoçar o poder são um exorcismo do medo.